Defesa da moda como cultura

Ministra Marta Suplicy reitera investimento federal na produção de estilistas do país

iG Minas Gerais |

Fomento. Além de participarem da Lei Rouanet, profissionais do campo receberão verbas diretas do Governo em 2014
Sérgio Castro/AE
Fomento. Além de participarem da Lei Rouanet, profissionais do campo receberão verbas diretas do Governo em 2014

Depois de causar polêmica em agosto do ano passado, quando autorizou três estilistas a captaram mais de R$7 milhões via Lei Rouanet, a ministra Marta Suplicy afirmou anteontem, durante a abertura da São Paulo Fashion Week, que a moda será incluída no orçamento do Ministério da Cultura para este ano. são paulo.

Com isso, além de acessar os mecanismos de incentivo à cultura por meio da renúncia fiscal de grandes e médias empresas, a moda passará a dividir com artes plásticas, teatro e cinema, entre outros campos artísticos, o valor investido diretamente pelo Governo Federal no campo da cultura. Para o ano de 2014, afirmou Marta, o ministério receberá verba total de R$3,26 bilhões. Ainda não se sabe, contudo, quanto desse montante será destinado ao campo da moda.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave