Cruzeiro não terá torcida no Horto, e Galo levará 10% ao Mineirão

Clássico que definirá o campeão mineiro de 2014 terá torcida visitante apenas no segundo jogo, no dia 13 de abril

iG Minas Gerais | FREDERICO RIBEIRO |

Ainda por causa da briga ocorrida no Independência, no ano passado, entre a própria torcida do Cruzeiro, o clássico entre Galo e Raposa, neste domingo, só terá torcedores do Atlético. A decisão partiu da diretoria do Cruzeiro, como uma forma de medida preventiva.

Porém, o Atlético nada tem a ver com a ocasião (mesmo tendo que perder um mando de campo por ter sido o organizador da partida) e irá fazer valer o seu direito de ter carga mínima no segundo jogo da final, no Mineirão. Com isso, na partida que realmente decidirá o torneio estadual, 10% da carga máxima do Gigante da Pampulha será vendida para os atleticanos.

Já no dérbi deste ano, pela primeira fase do Campeonato Mineiro, o Cruzeiro adotou a mesma medida de abrir mão de seus ingressos. O jogo que terminou em 0 a 0 foi visto, no estádio, apenas por alvinegros.

A primeira partida da decisão será no Horto porque a Raposa tem a vantagem de jogar por um empate no placar agregado e também de decidir em seu campo, já que terminou a primeira fase como líder geral. O duelo de ida é neste domingo, às 16h. No mesmo horário, mas no dia 13 de abril (no outro domingo), a festa do campeão será armada no Gigante da Pampulha.

Leia tudo sobre: atleticogalocruzeiroraposaclassicomineirotorcidavisitantefinal