Parte de obra do Itaquerão para por falta de segurança

Interdição ocorre depois de o operário Fábio Hamilton da Cruz, de 23 anos, morrer no sábado após cair de uma altura de aproximadamente oito metros

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Com gramado em perfeito estado, Itaquerão já ultrapassou mais de 90% das obras e está quase pronto para inauguração
PÁGINA OFICIAL/FACEBOOK
Com gramado em perfeito estado, Itaquerão já ultrapassou mais de 90% das obras e está quase pronto para inauguração

A montagem das arquibancadas provisórias da Arena Corinthians está suspensa até que sejam instaladas proteções contra queda de operários que atuam em locais altos. A determinação partiu de auditores fiscais da Superintendência Regional do Trabalho e Emprego de São Paulo e é por prazo indeterminado.

Estima-se que mais de 100 trabalhadores cruzarão os braços até que a situação seja regularizada. A interdição da obra no Itaquerão ocorre depois de o operário Fábio Hamilton da Cruz, de 23 anos, morrer no sábado após cair de uma altura de aproximadamente oito metros.

O ex-presidente corintiano Andrés Sanchez, responsável do clube pelo acompanhamento da obra, reagiu com ironia e irritação ao ser indagado pelo Estado sobre a paralisação dos trabalhos. “Não vai ter Copa do Mundo no estádio do Corinthians, você não está sabendo?” A reportagem repetiu a pergunta, e Andrés disse que não falaria sobre o assunto.

As causas do acidente ainda estão sendo investigadas pela polícia, mas testemunhas alegam que Cruz não usava os equipamentos de segurança. Parentes da vítima apontam que o operário não tinha qualificação profissional para exercer esse tipo de função.

Foi a terceira morte nas obras do Itaquerão. Em 27 de novembro do ano passado, dois operários morreram após queda de um guindaste que erguia peças da cobertura. Na ocasião, a obra ficou parada cinco dias.

A paralisação da montagem das arquibancadas provisórias Norte e Sul do estádio deve atrasar ainda mais a entrega à Fifa. A obra deveria ter sido finalizada em 31 de dezembro, mas o prazo foi adiado para 15 de abril.

A Fifa, no entanto, espera receber o estádio apenas no dia 15 de maio por causa do impasse com relação às estruturas provisórias, como camarotes e estruturas de tecnologia da informação. A arena será palco da abertura da Copa do Mundo, dia 12 de junho, com o jogo entre Brasil e Croácia.

Uma das principais preocupação da Fifa neste período derradeiro de preparação para a Copa, o Itaquerão também irá abrigar outros três jogos da primeira fase do Mundial (Holanda x Chile, Uruguai x Inglaterra e Coreia do Sul x Bélgica), além de um confronto das oitavas de final e outro das semifinais.

Leia tudo sobre: Copa do Mundoarena itaquerãocorinthianstimãoobrasacidente