Pivô do rebaixamento da Lusa, Heverton se aposenta aos 28 anos

Ex-jogador revelou ter recebido ameaças por parte de torcedores desconfiados com a possibilidade dele ter recebido dinheiro para ajudar o Flu

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Escalação irregular de Héverton fez Lusa perder quatro pontos
Reprodução/Portuguesa
Escalação irregular de Héverton fez Lusa perder quatro pontos

Jogador que acabou se tornando o pivô do rebaixamento da Portuguesa para a Série B do Campeonato Brasileiro, o meia Heverton, de 28 anos de idade, anunciou nesta segunda-feira a sua aposentadoria do futebol profissional. A informação foi confirmada pelo site oficial do Paysandu, clube que o atleta vinha defendendo.

"O jogador possuía uma vasta passagem por diversos clubes brasileiros e internacionais, e decidiu encerrar a sua carreira nos campos de futebol pelo clube alviceleste. O Paysandu Sport Club agradece os seus serviços prestados, e a sua dedicação ao clube", disse a curta nota divulgada pelo Paysandu, com quem o atleta tinha contrato até o final deste ano.

Com passagens por Corinthians, Atlético-PR e Vitória, Heverton foi escalado de forma irregular na rodada final do Campeonato Brasileiro do ano passado, contra o Grêmio, no Canindé. Julgado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), o clube paulista foi punido com a perda de quatro pontos na classificação do Brasileirão. A decisão acabou salvando o Fluminense na queda para a Série B.

O Paysandu não revelou nesta segunda-feira os motivos que levaram Heverton a se aposentar. Porém, há duas semanas, em entrevista à rádio Jovem Pan, o atleta adiantou que estava estudando a possibilidade de pendurar as chuteiras. Ele revelou ter recebido ameaças por parte de torcedores desconfiados com a possibilidade dele ter recebido dinheiro para ajudar o Flu.

"Recebi muitas ameaças por telefone. Tive que trocar duas vezes de número. Fui chamado pelo Ministério Público. Virou um caso de polícia, me perguntaram se eu havia ganhado dinheiro. Eu não sou bandido", disse o meio-campista, naquela ocasião.

Leia tudo sobre: portuguesalusarebaixamentoaposentadoriahévertonpaysandupapão da curuzu