Baiana é assaltada na capital faltando mais de dois mês para Mundial

Preocupados com o índice de violência do Brasil, vários países fizeram, em março deste ano, cartilhas para quem decidir viajar para o país torcer por sua respectiva seleção durante o Mundial

iG Minas Gerais | CAMILA KIFER |

Uma turista baiana foi assaltada no centro de Belo Horizonte nesta segunda-feira (31) faltando pouco mais de dois mês para o início da Copa do Mundo da Fifa, que acontecerá no Brasil em junho deste ano. Um adolescente foi reconhecido e apreendido. O objeto levado no assalto foi recuperado.

A baiana relatou à polícia que estava a passeio na capital. Na tarde desta segunda, ela estava andando pela avenida Afonso Pena, quando sentiu uma forte dor no pescoço, virou e viu alguém correndo com sua corrente de ouro na mão. O suspeito teria corrido para um estacionamento, porém, testemunhas que escutaram a vítima gritar conseguiram deter o menor até a chegada da Polícia Militar.

O adolescente foi detido junto a outro homem, porém a vítima reconheceu apenas o menor que foi encaminhado para o Centro Integrado de Atendimento ao Adolescente Autor de Ato Infracional.

Prevenção

Preocupados com o índice de violência do Brasil, vários países fizeram, em março deste ano, cartilhas para quem decidir viajar para o país torcer por sua respectiva seleção durante o Mundial. As orientações vão desde dicas na hora de pegar um táxi ou até mesmo como reagir em caso de assalto.

O governo Alemão deixou uma dica para a população de seu país que for desembarcar no Brasil. “É aconselhável sempre levar uma quantia de dinheiro para a rendição voluntária”, cita o texto, que ainda orienta para que não haja nenhum tipo de reação.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave