Dagoberto comemora gol de pênalti: 'Eu precisava dar uma resposta'

Atacante falhou na Copa Libertadores e conseguiu marcar no Mineiro para ajudar na classificação para a final do Estadual

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

O erro contra o Defensor-URU, em Montevidéu, ainda dói em Dagoberto. O atacante, porém, começou a se 'curar' neste domingo, na vitória por 2 a 1 contra o Boa Esporte, que garantiu a vaga na final do Campeonato Mineiro. No Uruguai, Dagoberto falhou na cobrança de um pênalti quando a partida estava 1 a 0 para o adversário, que também estava com um homem a menos. O erro ajudou a sacramentar a sofrida derrota celeste. Diante da Coruja, no Mineirão, o camisa 11 da Raposa viu-se novamente com a bola nas mãos para uma nova cobrança de um penal e não titubeou. Anotou o gol que abriu o placar para o triunfo cruzeirense. "Nada como um dia após o outro. Agradeço a confiança do grupo e do Marcelo. O importante foi que eu consegui fazer o gol", afirmou o atacante. Antes da cobrança, porém, Dagoberto foi questionado por Júlio Baptista se estava apto para converter o pênalti. Resposta afirmativa, mostrando a confiança em seu futebol. "Isso já vem do Marcelo. Na preleção ele já fala quem vai bater. O Júlio bate muito bem, mas até pelo o que aconteceu eu precisava dar uma resposta", disse Dagol, fato confirmado por Júlio Baptista. "O professor tinha falado primeiro se ele quisesse pegar, pegava, Se não, eu iria. Mas foi tudo tranquilo", disse o camisa 10. O próximo desafio do Cruzeiro será diante do Universidad de Chile-CHL, em Santiago, às 20h45, do dia 3 de abril. A Raposa precisa vencer para continuar sonhando com a classificação para a próxima fase da Libertadores.

Leia tudo sobre: dagobertoboapenaltidefensorcruzeiroraposa