Objetos encontrados no oceano Índico não são de avião desaparecido

De acordo com a Autoridade Australiana de Segurança Marítima materiais encontrados por um navio chinês podem ser lixo ou artigos de pesca

iG Minas Gerais | Da redação |

Os objetos encontrados no oceano Índico nesse sábado (29), não pertencem ao avião que desapareceu no último dia 8 de março, durante uma viagem entre a Malásia e a China. A confirmação foi feita pela Autoridade Australiana de Segurança Marítiman (AMSA) neste domingo (30). Segundo o órgão, é provável que os materiais recuperados sejam lixo ou artigos de pesca.

O primeiro-ministro da Austrália, Tony Abbott, disse neste domingo que tinha esperanças de que uma pista aparecerá em breve para ajudar na busca pelo avião, à medida que mais objetos são retirados do sul do Oceano Índico e verificados. Mas, até agora, apesar de mais navios estarem vasculhando a área, nenhum dos itens recuperados foi ligado à aeronave.

Em Sydney, Abbott descreveu "os esforços de busca intensos" como positivos porque "objetos foram descobertos no oceano".

A Autoridade de Segurança Marítima da Austrália disse que 10 aviões tomaram parte das buscas neste domingo, decolando em tempos alternados da cidade de Perth. Oito navios estavam sendo utilizados, incluindo o navio de suprimentos da marinha australiana HMAS Sucess, que armazena qualquer destroço encontrado.  

Leia tudo sobre: malásiaaviãodestroçosaustraliafalsaspistas