Anastasia apresenta balanço de sua gestão no Dia do Legado

A ocasião serviu também como despedida dos servidores e secretários do governo Anastasia; ele deixa o cargo no dia 4 de abril

iG Minas Gerais | JULIANA BAETA |

Politica - Belo Horizonte - Minas Gerais.
Governador Antonio Anastasia faz o dia do Legado, mostra numeros do seu governo.

Com a Presenas da secretaria Renta Vilhena e o vice-governador Alberto Pinto Coelho.

Foto: Uarlen Valerio / O Tempo 27.03.2014
UARLEN VALERIO / O TEMPO
Politica - Belo Horizonte - Minas Gerais. Governador Antonio Anastasia faz o dia do Legado, mostra numeros do seu governo. Com a Presenas da secretaria Renta Vilhena e o vice-governador Alberto Pinto Coelho. Foto: Uarlen Valerio / O Tempo 27.03.2014

Foi lançado nesta sexta-feira (28) na Cidade Administrativa o chamado Dia do Legado, uma espécie de balanço do governo Anastasia, que irá deixar o cargo no dia 4 de abril. Também foram apresentadas ações estratégicas que estão sendo desenvolvidas em Minas e as ações em andamento. Antonio Anastasia lembrou que maior preocupação e atenção do Estado deve ser a segurança.

O governador também estabeleceu os principais pontos do governo que ele classificou como mais relevantes nos últimos anos, como os programas Travessia Social, Banco Travessia e Água para Todos, na área de desenvolvimento social, o programa Reinventando o Ensino Médio, que beneficiou 2.172 escolas e o Poupança Jovem, com 13.632 alunos beneficiados na área da educação. Além disso, também foram destacados, na área da saúde, a rede de urgência e emergência que, hoje, totalizam 9 no Estado, e o programa Mães de Minas.

Já na área da segurança, que deve ser prioridade no governo do Estado, segundo Anastasia, ele citou como trunfos de sua gestão os projetos contra o uso de álcool, crack e outras drogas, a modernização do sistema presidiário com o bloqueio de celular e câmeras de olho vivo, implantadas em 14 novos municípios.

Despedida

O evento também foi uma forma de despedida dos servidores e secretários da gestão dele, que serão exonerados no próximo dia 3 de abril, para que o novo governador Alberto Pinto Coelho possa definir quem irá comandar as secretarias em sua gestão. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave