Esgoto ainda é maior vilão dos rios

iG Minas Gerais |

Um dos grandes motivos para a piora da qualidade da água em algumas bacias hidrográficas é despejo de esgoto sem tratamento nos rios. E um dos agravantes para o aumento dos dejetos é o adensamento populacional. Para o professor do Departamento de Engenharia Sanitária e Ambiental da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) Marcos Von Sperling, algumas medidas são necessárias para limpar os rios.

“É necessário que haja uma coleta eficiente dos esgotos nas cidades, que eles sejam adequadamente transportados para uma estação de tratamento e, por fim, é preciso que esse tratamento seja bem-feito”.

Mesmo o percentual de águas consideradas péssimas no Estado ainda sendo mínimo, elas estão concentradas nas grandes cidades, em função da maior incidência de esgoto despejados em rios. Von Sperling explica que é possível desenvolver tecnologias para melhorar a qualidade na água no meio urbano.

Internacional. “Esse desafio já foi vencido em vários países, que incorporaram seus recursos hídricos à paisagem da cidade. E o caso dos rios Tâmisa, em Londres, e Sena, na França. (Com Caíque Pinheiro, Especial para O TEMPO)

 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave