Steven Seagal defende 'irmão' Putin e invasão na Crimeia

Fãs de artes marciais, presidente russo e o ator americano participam constantemente de treinamentos de atletas olímpicos do país

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Fãs de artes marciais, Putin e Steven Seagal participam constantemente de treinamentos de atletas olímpicos do país
AP
Fãs de artes marciais, Putin e Steven Seagal participam constantemente de treinamentos de atletas olímpicos do país

Considerado um dos melhores amigos do presidente russo Vladimir Putin, o ator americano Steven Seagal tem se mostrado cada vez mais próximo do governo do país. A proximidade é tanta que algumas falas do 'mestre da ação' tem gerado repercussão negativa nos Estados Unidos.

Nesta semana, durante uma entrevista, Seagal chegou a declarar ao jornal 'Rossiskaya Gazeta' que apoia a intervenção russa na região da Crimeia. Segundo o ator, a ação é para 'proteger as pessoas que falam russo, seus bens e sua base naval'.

Fãs de artes marciais, Putin e Steven Seagal participam constantemente de treinamentos de atletas olímpicos do país. O ator já chegou a revelar que não pretender perder a cidadania americana, mas que espera conseguir a cidadania russa algum dia. Segundo ele, Putin pode ser considerado como um irmão.

Seagal tem sido um ferrenho crítico à política americana e europeia em relação à tensão na Ucrânia.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave