Especialista diz que só o Brasil erradica ferrovia no mundo

iG Minas Gerais |

A alegação de que parte dos trechos que serão devolvidos não é economicamente viável não convence o fundador da Apito, Sério Motta Mello. A organização atua no setor ferroviário desde 2004. “No mundo inteiro, não se erradica ferrovia, só no Brasil. Todas são viáveis”, afirma.

Durante a audiência pública, os especialistas apontaram trechos já desativados que obrigaram grandes empresas a transferir o transporte de suas mercadorias para as rodovias.

Um deles é o trecho da chamada Linha Mineira, que passava por Ouro Preto e Itabirito, região tradicional em mineração. (APP)

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave