Líder nas estatísticas, Sada Cruzeiro quer manter bom padrão de jogo

Equipe cruzeirense vive ótimo momento na Superliga e quer fazer valer a importância dos números para garantir passagem para a decisão

iG Minas Gerais | DANIEL OTTONI |

Liderança. 

Se vencer confronto de hoje, Sada terá batido todos os adversários desta edição de Superliga
DENILTON DIAS /O Tempo
Liderança. Se vencer confronto de hoje, Sada terá batido todos os adversários desta edição de Superliga

Melhor ataque, saque, levantamento e segundo melhor desempenho na defesa no ranking de clubes. Na lista de jogadores, o Sada Cruzeiro também mostra eficiência, com o melhor levantador (William), os dois melhores atacantes (Leal e Wallace) e o maior pontuador (Wallace).

Os números não mentem e mostram um time completo, que tem boas armas à disposição para fazer valer sua força, dentro ou fora de casa. Para completar os dados, o time cruzeirense ainda conta com o segundo e terceiro lugar no ranking de sacadores (Éder e Wallace), além do terceiro melhor passador (Filipe).

As conquistas individuais são comemoradas, mas só acontecem em função de um grupo comprometido, que trabalha duro para fazer o bom ficar ainda melhor. Se a postura dos últimos jogos for mantida, a classificação cruzeirense para a sua quarta final seguida de Superliga masculina fica próxima. Para isso, o time treina forte de olho no Vivo-Minas, adversário do próximo sábado, na Arena Vivo. Depois de vitória no primeiro jogo da semifinal, um novo trunfo confirma o Sada na decisão. "Temos mostrado um bom padrão de jogo, que tem dado trabalho para os adversários. Se conseguirmos colocá-lo em prática, mais uma vez, estaremos perto da final. Mas temos muito trabalho pela frente", comenta o ponta cubano Leal, que mostra um variado acervo de ataques.

Ao mesmo tempo em que possui destaques, o Vivo-Minas também conta com suas peças que podem fazer a diferença. O levantador Marcelinho está na cola de William no seu principal fundamento. No ataque e bloqueio, o clube do bairro de Lourdes está em terceiro no ranking por equipes. No saque, aparece em quarto. Números que deixam claro o equilíbrio que pode muito bem acontecer, principalmente se os dois times desempenharem bem seu papel. Melhor para o público, que deve lotar o ginásio da Rua da Bahia.

O cubano Leal reforço o cansaço que o time tem sentido e salienta a necessidade de uma vitória no sábado para ter um tempo maior de descanso. "Sabemos das dificuldades de jogar na casa deles, com a torcida contra. Mas, temos condições de chegar lá e vencer. Isso pode nos dar um tempo bom de descanso antes do próximo compromisso. Mas temos que fazer por onde para ter esse mérito", comenta.

A força do entrosamento Com boa parte da base formada há quatro anos e sem grandes mudanças no elenco neste período, o Sada leva o entrosamento como um fator fundamental para a boa sequência. A afinidade entre William e Wallace é apenas um dos exemplos que fazem a diferença para o time chegar em todas as finais nos últimos anos. "Os jogadores se conhecem bem, sabem como cada um se comporta em cada momento e a hora em que um ou outro pode ser acionado ou poupado. No último jogo, isso ficou claro, com um resultado de 3 a 0, que chegou a ser surpreendente. Nosso maior foco é manter o padrão para continuar buscando novas metas",salienta o central Éder. Ingressos. Os bilhetes já estão sendo vendidos pelo site Ingresso Rápido, por R$ 20.  Os 720 ingressos para a torcida cruzeirense começarão a ser vendidos na quinta-feira, pelo mesmo preço, entre 9h e 17h, na Rua Timbiras, 2.903.