“Os postos de saúde foram destruídos”

Vitor Penido - deputado federal (DEM)

iG Minas Gerais |

O senhor espera assumir o comando da Prefeitura de Nova Lima a partir de quando? Dependo da publicação do acórdão. Espero que seja ainda nesta semana, quarta ou quinta-feira. Em razão do resultado unânime dos juízes do Tribunal Regional Eleitoral, queremos dar continuidade ao trabalho que deixaram de fazer. Espero que eu retome o comando da cidade o mais rápido possível.

Quais ações serão consideradas prioritárias? Quando deixei o município, das 18 escolas públicas, deixamos 13 com tempo integral e semi-integral. Um ano atrás tinham apenas duas. A saúde foi da mesma forma. Nova Lima tem receita grande, então não posso admitir que o hospital continue com o mesmo número de leitos de CTI que deixei anos atrás. Os postos de saúde foram destruídos, jogados no chão com promessa de construir novos, e até agora nada. Nenhuma casa do Minha Casa Minha Vida foi feita. Também há problema em segurança e na parte administrativa, com uma máquina gigante.

Como o senhor viu a reação da população? Disseram que eu não poderia assumir a prefeitura porque tenho condenação por improbidade administrativa. Isso é um boato que inventaram. Queria deixar claro que não tenho impedimento político. E a reação da população foi muito positiva. (IL)

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave