Autuori evita relacionar bom rendimento à ausência de R10

Comandante alvinegro preferiu exaltar a qualidade do plantel atleticano; craque foi vetado por conta de dores no joelho

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Coach Paulo Autuori of Brazil's Atletico Mineiro gestures during a Copa Libertadores game against Paraguay's Nacional in Ciudad del Este, Paraguay, Wednesday, March 12, 2014. (AP Photo/Jorge Saenz)
Associated Press
Coach Paulo Autuori of Brazil's Atletico Mineiro gestures during a Copa Libertadores game against Paraguay's Nacional in Ciudad del Este, Paraguay, Wednesday, March 12, 2014. (AP Photo/Jorge Saenz)

Na tarde deste domingo, a equipe titular do Atlético fez a sua melhor atuação na temporada. Logo na primeira partida da semifinal do Campeonato Mineiro, o Galo venceu o América por 4 a 1 e praticamente assegurou sua classificação na grande final. No entanto, entre os 11 escolhidos pelo técnico Paulo Autuori não estava ele, Ronaldinho Gaúcho. A ausência do craque, vetado por conta de dores no joelho, trouxe mais uma oportunidade a Guilherme. O meia-atacante não decepcionou e foi um dos melhores jogadores alvinegros na partida.

Durante a coletiva de imprensa, o comandante alvinegro foi questionado sobre o bom rendimento da equipe sem Ronaldinho, mas evitou relacionar as duas situações.

"Temos jogadores que podem dar mobilidade e dinâmica importante. O Ronaldo é um grande jogador, indiscutível, ídolo e não tem nada haver querer relacionar o fato do Guilherme ter jogado e Ronaldo não. A própria equipe vinha se cobrando para fazer um grande jogo e isso foi o principal", afirmou Autuori.

Ao invés de alimentar certas polêmicas, Autuori preferiu exaltar a qualidade do plantel atleticano. "O grupo tem condição de trabalhar em seu limite técnico, tático e físico em todos os jogos, temos jogadores de qualidade. Quem não puder jogar, outros entrarão. Hoje, eles se sentem úteis e quando forem chamados podem mostrar qualidade", concluiu.