Festas regadas à álcool terminam com três mortos

Dois eventos que tinham participação de menores em Contagem e Matozinhos acabaram em tiroteio na madrugada deste domingo (23)

iG Minas Gerais | LUCAS SIMÕES |

Duas festas regadas a bebidas alcoólicas e com a presença de menores acabou em confusão que deixou pelo menos três pessoas mortas na madrugada deste domingo (23), na região metropolitana de Belo Horizonte.

Em Contagem, uma festa marcada pelo Facebook acabou em um tiroteio que assustou moradores do bairro Eldorado. Segundo a Polícia Militar (PM), dois suspeitos não identificados entraram na residência por volta de meia-noite atirando na direção do adolescente Vitor Hugo Rodrigo, de 16 anos. Testemunhas relataram à polícia que os suspeitos perguntaram pelo nome do jovem antes de atirar.

Os disparos também atingiram Márcio Reis Alves, de 18 anos, que levou um tiro no braço, além de Jordanna Mara Assis de Oliveira, atingida por um disparo no pé. Outro jovem que estava na festa e foi identificado apenas como Francismar, de 19 anos, foi baleado no peito. Apenas Jordanna e Márcio sobreviveu aos tiros. Em seu relato à PM, o jovem disse que Francismar era um dos atiradores. Apesar disso, a informação não foi confirmada pela PM.

Em Matozinhos, um desentendimento entre duas mulheres acabou com a morte do namorado de uma delas. Segundo a PM, por volta das 3h da manhã, a namorada de Marcos Wesley Silva Viana, de 20 anos, teria iniciado uma discussão com outra mulher por um motivo desconhecido. Durante a briga, Wesley tentou intervir, mas acabou sendo atingido por um tiro na testa.

Testemunhas contaram à polícia que um suspeito ainda não identificado teria sacado um revólver calibre 38 e atirado à queima-roupa contra a vítima, que morreu na hora. Como o local estava bastante escuro, nenhuma testemunha conseguiu identificar o atirador.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave