Tênis couture, vai encarar?

Como os tênis de jogging voltaram à moda sem que a gente percebesse e como lidar com o fato

iG Minas Gerais | Deborah Couto e Silva |

Chanel couture em dois momentos: acima, a musa pop Rihanna vestindo look total
Thiabult Camus
Chanel couture em dois momentos: acima, a musa pop Rihanna vestindo look total

A moda não é via de mão única e nem toda tendência que o mundo adere vem das passarelas. Muitas delas, aliás, são “importadas” das ruas pelos designers, e é isso que torna a dinâmica fashion tão interessante. Mas nunca esse movimento da rua em direção ao nicho esteve tão visível quanto agora. Uma das provas mais cabais disso é a apresentação de elementos de streetwear nos últimos desfiles de alta-costura da Dior e da Chanel. Em um mundo paralelo onde apenas cabem visuais luxuosos e milionários complementados por salto alto, em que lugar se encaixariam os tênis de corrida? 

“O calçado esportivo com vestido de festa é um recurso de passarela. Não acredito que alguém na vida real o adote. De qualquer forma, o uso do tênis é uma proposta moderna, uma busca pela naturalidade e pelo conforto. As grifes notam essa necessidade e a levam para outro patamar”, acredita a designer de calçados Paula Bahia. De fato, a proposta é um tanto quanto radical. Ela compactua, no entanto, com um flerte da alta moda com o streetwear que não vem de hoje. O hip hop e a cultura pop, o universo esportivo e as próprias necessidades cotidianas (especialmente pelo conforto) têm grande influência no que as pessoas vestem, e isso impacta diretamente no mercado. A absorção desses elementos pelo mundo da alta-costura é apenas uma confirmação de um caso bem-sucedido.

Nova conduta

Até um ano atrás, adicionar um tênis de corrida a um look que não fosse de ginástica era pecado mortal. E agora? “Com produções mais street, casuais, gosto muito. Eu mesma sou uma grande consumidora de tênis e acho que eles descontraem o look”, diz Paula Bahia. E não é só ela. Vemos cada vez mais em sites de street style a combinação de visuais elaborados, com belos cortes, complementados por tênis de corrida. Esses looks vieram bem antes dos desfiles de alta-costura. Claro que grifes jovens como Lacoste e Opening Ceremony propuseram visuais assim. Mas certamente o que fez ecoar o streetwear nas passarelas foi mesmo a rua.

E o que mudou? Os novos calçados, assim como quem os veste, têm informação de moda. São, geralmente, estampados, coloridos, ou têm design especial. Não é aquele mesmo tênis sujo que você usa para correr ou ir à academia, não deve aparentar desleixo. “É uma forma de mostrar um modo de vida”, lembra Paula Bahia. Portanto, se for combinar o calçado com um look mais elaborado, ele deve acompanhá-lo, mesmo sendo aquele (antes) abominável tênis de corrida.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave