Sem segurança, arcebispo dom Orani cancela procissão pela paz

iG Minas Gerais |

Rio de Janeiro. Na manhã deste sábado, o arcebispo do Rio de Janeiro, dom Orani Tempesta, cancelou uma procissão que iria pedir a paz na favela do Mandela, no Complexo de Manguinhos, por motivos de segurança. A base da UPP local foi incendiada na última quinta-feira.

“Pensando nos fiéis, achamos melhor cancelar, para não abusar”, disse após realizar uma missa com a presença de cerca de 300 pessoas. Durante a homilia, o cardeal falou sobre conversão e fez um pedido aos moradores locais. “O desejo é que o pecador se converta. E o caminho da conversão deve ser de busca pela paz, mesmo que tenha que denunciar os que fazem o mal”.

Na saída, o vicariato conversou com um grupo de policiais militares da UPP e deu uma bênção. “Me sinto mais protegido”, disse o soldado Carlos Henriques.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave