A bela e a fera

iG Minas Gerais |

“A mulher conquistou seu espaço no trabalho, financeiramente e dentro da relação” - Fernanda Lima
Barbara Dutra/House of Photo
“A mulher conquistou seu espaço no trabalho, financeiramente e dentro da relação” - Fernanda Lima

Hoje, nosso papo é com a modelo, apresentadora e atriz Fernanda Lima e o administrador e designer de sapatos Alexandre Birman. Em comum, a gaúcha e o mineiro carregam o dinamismo e o talento, tendo desde cedo se destacado em suas áreas. Atualmente, ela estrela a campanha da Arezzo, marca da qual ele é CEO. Conversamos com a dupla, de passagem por BH para lançar a coleção de inverno. Fernanda, dizem que toda mulher é viciada em sapatos e bolsas. E você?

Fernanda: Não há mulher que não ame bolsas e sapatos e sou mais uma apaixonada. De salto alto, então, a gente fica mais elegante. Desde adolescente eu já treinava andar de salto. Não é fácil, mas a mulher fica especial usando um salto bonito.

Está feliz em fazer a campanha da Arezzo?

Fernanda: É um prazer participar de uma campanha linda, moderna. É difícil ver esse tipo no Brasil. Normalmente, têm um apelo mais popular. Já a Arezzo investe em moda, numa imagem única, e eu queria muito fazer parte disso. No final da sessão, levei pra casa todos os modelos que fotografamos, de tão louca que eu fiquei com a quantidade, a qualidade e a beleza.

 

Você viaja muito pelo país e apresenta o programa “Amor & Sexo”. Em termos comportamento/relacionamento, as brasileiras têm a cara de sua região ou são muitas em uma?

Fernanda: A mulher brasileira é única e, na minha opinião, mais bonita, carinhosa e charmosa. Mas existe, sim, a mulher de cada estado. No Rio Grande do Sul, tem muito mais mulher que homem. Elas querem um grande amor e não encontram, reclamam que falta homem no mercado. Soube que aqui também é assim, não?

O “Amor & Sexo” retorna este ano para a 8ª temporada, na Globo. Ainda é difícil falar destes assuntos?

Fernanda: Fico muito feliz em tratar de temática tão delicada, mas tão pertinente. A mulher conquistou seu espaço no trabalho, financeiramente e dentro da relação. Hoje ela se dá direito ao prazer; descobriu que, como o homem, ela pode. E isso tudo é muito recente. Precisamos falar e estimular, especialmente o diálogo entre os casais. Só conversando a gente se entende.

................................................................ Alexandre, fazer parte da família Arezzo exige muita responsabilidade e energia. De onde você tira “gás”?

Alexandre: Do esporte. É quimicamente comprovado! No dia em que não treino, não me sinto bem. Pratico esporte desde pequeno em BH. Fui atleta nadador do Minas Tênis Clube, depois fiz mountain bike, esqui aquático e hoje eu treino para “meio” Ironman (modalidade de triathlon de longas distâncias), pois para a prova completa preciso de tempo. É muito desafiadora, com quase 10 horas e meia.

 

E haja fôlego, pois vocês estão fazendo o lançamento por todo o Brasil...

Alexandre: Estamos lançando o inverno nas 360 lojas do país, na 3ª edição da Arezzo Mob Party. Com a Fernanda Lima, nossa musa, já fizemos Fortaleza, Salvador e agora, BH. Buscamos a imagem de uma mulher única, inédita; surpreendendo, mas sendo muito ecléticos em nossas escolhas. A Fernanda traduz bem essa versatilidade da mulher Arezzo: é mãe, atriz, apresentadora, modelo, linda e independente.

Pra quem é novo, que receita você daria? Como trabalhar neste Brasil, superar percalços da economia e a incerteza do futuro?

Alexandre: O Brasil é muito jovem ainda, promissor. Em vários termos podemos nos comparar a grandes potências, que são países milenares. Com certeza, as próximas gerações vão viver num país incrível. Temos todas as condições pra isso, e um povo muito criativo.

Hoje são quantas lojas e pessoas envolvidas na Arezzo&Co ?

Alexandre: Lojas da marca Arezzo são 360. Da Schutz, quase 70; Anacapri, 25; e Alexandre Birman, duas. São 300 pessoas dedicadas só à criação de mais de 11 mil modelos de sapatos e bolsas por ano. Empregos diretos são dois mil e indiretos, estimamos entre 15 e 18 mil.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave