Reunião termina com promessa de novo cadastro em ocupações

Decisão aconteceu durante encontro entre representantes dos manifestantes estão na Cidade Administrativa, da prefeitura e do Ministério Público; grupo deve deixar avenida Afonso Pena no fim desta sexta-feira (21)

iG Minas Gerais | Aline Diniz / CAMILA KIFER |

Ocupantes estão na avenida Afonso Pena, em frente a Prefeitura de Belo Horizonte, no centro
GUSTAVO BAXTER / O TEMPO
Ocupantes estão na avenida Afonso Pena, em frente a Prefeitura de Belo Horizonte, no centro

Os membros  de movimentos de ocupação seguem acampados em frente a Prefeitura de Belo Horizonte, na avenida Afonso Pena, mesmo após a reunião entre representantes do governo de Minas e da prefeitura na tarde desta sexta-feira (21). A promessa é que o grupo comece a deixar o acampamento ainda nesta sexta.

A decisão saiu após uma reunião entre representantes dos manifestantes estão na Cidade Administrativa, da prefeitura e do Ministério Público, onde ficou acordado que será feito um novo cadastro das famílias das ocupações Vitória, Esperança e Rosa Leão.

O grupo que esta instalado em frente a prefeitura desde quinta-feira (20) protesta contra um cadastramento feito no dia 19 de fevereiro, em que apenas 2599 famílias foram inscritas. Segundo a coordenadora da ocupação Vitória, Elliama Carvalho, de 33 anos, 8 mil famílias estão alojadas nas três ocupações.

Pra ela o resultado da reunião desta sexta-feira mostra que o poder público reconheceu uma falha. “Vamos deixar a avenida porque foi reconhecido que o cadastro foi feito de maneira inadequada”, declara.

Ainda para Elliama o resultado de hoje não chega a ser considerado uma conquista. “Não considero uma vitória, já que esse fato é uma maneira de empurra a situação. Porque a qualquer momento nossas casas podem ser derrubadas”, declara.

Acampamento

O objetivo do grupo, que está no local dede quinta-feira (20), é pressionar a prefeitura para que atue na negociação junto ao governo do Estado, para que haja solução os pedidos de despejo das comunidades Vitória, Esperança e Rosa Leão, na região Norte de Belo Horizonte. Integrantes montaram barracas na porta da prefeitura. Segundo a Polícia Militar (PM), três ônibus chegaram ao local para deixar os manifestantes nesta quinta. A PM acompanhou todo o ato, que foi pacífico.   

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave