PM prende dois servidores da prefeitura em bota-fora

Local designado pelo município para descarte de objetos estava irregular e foi embargado

iG Minas Gerais | Raquel Gondim |

Bota-fora realizava queimas irregulares em objetos descartados
OSWALDO RAMOS
Bota-fora realizava queimas irregulares em objetos descartados

Uma denúncia anônima sobre irregularidades no bota-fora de Lagoa Santa, na Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH), resultou ontem na prisão de dois funcionários da prefeitura da cidade. Segundo informações do 4º Pelotão da Polícia Militar do município, o bota-fora funcionava de forma irregular e estava promovendo a queima de objetos. O local foi embargado.

Segundo a PM, o espaço já havia sido autuado outras vezes por estar funcionando sem licença ambiental. Ainda de acordo com informações da polícia, o bota-fora não tinha uma máquina para movimentar os objetos e o fogo era usado para ampliar a área disponível para o descarte. Os dois homens presos, que não tiveram seus nomes divulgados, seriam conduzidos ainda ontem para a 3ª Delegacia de Plantão de Vespasiano, também na RMBH.

Outro lado. De acordo com o secretário de Desenvolvimento Urbano de Lagoa Santa, Marco Aurélio Pereira, o bota-fora funciona em um terreno particular cedido à prefeitura em 2011. “Essa é uma situação acumulada desde 2011. A própria prefeitura acionou a polícia do meio ambiente na terça-feira para, em conjunto, vermos o que poderia ser feito. Estamos observando a descarga de objetos indevidos no bota-fora”, afirmou.

Segundo ele, o local não estava funcionando desde a última terça-feira e os funcionários da prefeitura só foram ao terreno porque foram chamados pela polícia.

Pereira não informou o que deverá ocorrer agora com o espaço para descarte. “A real situação só iremos saber depois que o departamento jurídico da prefeitura se manifestar”, disse o secretário.

Contrato

Outro caso. Pereira não quis comentar ontem as denúncias envolvendo um possível contrato irregular de R$ 5,5 milhões da prefeitura com a MCorrea, construtora com a qual teria vínculo.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave