Fora da Indy, Bia Figueiredo será primeira mulher da Stock Car

Brasileira já havia disputado corridas pela categoria de acesso da modalidade. Estreia será neste fim de semana

iG Minas Gerais | Agência Estado |

A piloto brasileira lembrou que o circuito de rua do Anhembi possui vários pontos de ultrapassagem e aposta na escolha da estratégia correta para
FORMULA INDY/DIVULGAÇÃO
A piloto brasileira lembrou que o circuito de rua do Anhembi possui vários pontos de ultrapassagem e aposta na escolha da estratégia correta para

Bia Figueiredo foi oficialmente confirmada, nesta quinta-feira, como nova piloto da ProGP como companheira de equipe de Rafael Suzuki na Stock Car. Assim, depois de seis anos correndo em divisões da Fórmula Indy, sendo dois na Indy Light (de acesso) e quatro na principal, ela irá se tornar a primeira mulher a disputar uma temporada da elite da principal categoria do automobilismo brasileiro. Vale ressaltar que Bia já fez parte da Stock Car Light, categoria de acesso à elite, em 2006, e agora irá estrear nesta temporada já neste fim de semana, quando começará o campeonato de 2014 com a prova que ocorrerá no circuito de Interlagos, em São Paulo. Oficialmente confirmada pela equipe ProGP, Bia também já havia participado dos treinos de pré-temporada realizados no mês passado, em Curitiba, e por isso a adaptação a essa nova fase de sua carreira não será tão complicada. "Os treinos em Curitiba me ajudaram muito, pois foi meu primeiro contato com o carro. Tivemos dois dias, alguns problemas, mas o mais importante foi a experiência que adquiri para esta primeira prova. Então, obviamente, ajudou muito, pois eu já sei um pouco do que vou encontrar aqui (em São Paulo)", ressaltou a piloto. Nesta primeira etapa do campeonato de 2014, que contará com um formato inédito na categoria, obrigando a troca de pilotos durante a prova, Bia fará parceria com Duda Pamplona, ex-piloto da Stock e chefe da equipe ProGP. "Conheço o Duda há muito anos. Fico feliz que o meu companheiro vai ser meu chefe de equipe. É um piloto recentemente aposentado, só vai ajudar com a experiência dele, e como a gente vai dividir essas informações ao longo do ano isso vai ser super importante e valioso para nós", completou Bia.

Leia tudo sobre: Bia FigueiredoStock CarProGPFórmula Indyestreiaprimeira mulher