Cruzeirenses admitem atenção especial em dupla dinâmica do Defensor

Marcadores da Raposa vão 'colar' em Arrascaeta e Gedoz, que desequilibraram no primeiro jogo entre os clubes no Grupo 5

iG Minas Gerais | BRUNO TRINDADE E GUILHERME GUIMARÃES |

Lucas Silva prometeu forte marcação na dupla Arrascaeta e Gedoz
Washington Alves/VIPCOMM
Lucas Silva prometeu forte marcação na dupla Arrascaeta e Gedoz

Os jogadores do Cruzeiro sabem que só a vitória interessa na partida contra o Defensor (URU), nesta quinta-feira, às 22h, no Mineirão. Para isso, o grupo celeste admite atenção especial com duas peças do time uruguaio, Arrascaeta e Felipe Gedoz, atletas que desequilibraram no jogo da semana passada, quando a equipe de Montevidéu venceu a Raposa por 2 a 0.

Após as boa atuações dos meias Arrascaeta e Gedoz, esse último, inclusive, autor dos dois gols na vitória do Defensor, no Uruguai, os cruzeirenses prometem atenção especial com a dupla. “Teremos atenção com todos, e em especial com ele (Arrascaeta). Ele é quem faz o time jogar. Por isso, onde ele estiver estará bem vigiado”, garantiu o volante Lucas Silva.

Nilton, que será titular ao lado de Lucas Silva no jogo desta quinta-feira, também quer marcação sob pressão em cima dos destaques do time uruguaio.

"Não é marcação individual, mas tem que ter cautela com os dois (Gedoz e Arrascaeta), pelo que eles apresentaram lá no Uruguai”, reiterou, dando indicações de como o Cruzeiro deve atuar.

“Aqui, vamos tentar manter o primeiro tempo que fizemos lá (Uruguai) e repetir o que fizemos contra a Universidad de Chile. Nossa equipe precisa fazer gols, ano passado fizemos muitos e não podemos perder essa característica”, comentou.

Lucas Silva sabe o que é preciso para sufocar o adversário. “Vamos pressionar todos os jogadores para que eles deem chutões e a gente possa ficar com a bola chegar ao gol”, comentou o jovem atleta revelado nas categorias de base da Raposa.

Leia tudo sobre: futebolesportecruzeirodefensorlucas silvaniltonarrascaetafelipe gedozlibertadores