381 é inviável para iniciativa privada

iG Minas Gerais |

Um processo de revitalização da BR–381, aos moldes do que vai ocorrer na BR–040, é economicamente inviável, analisa o diretor-presidente da Invepar, Túlio Abi-Saber. “Na 381, o projeto é muito mais complexo, porque é preciso corrigir o traçado, que é cheio de curvas e intervenções. Isso demanda muitos túneis e viadutos e o retorno teria de ser muito alto e o pedágio caro. Isso inviabiliza qualquer projeto totalmente financiado pela iniciativa privada”, opina.

O empresário disse que está confiante em uma modalidade de concessão com obra pública prévia, em que o governo assumiria as intervenções mais complexas, antes de conceder o trecho à iniciativa privada. O governo elabora projeto para melhorar a 381. (PG)

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave