Diego já foi viciado

Eliminado do reality fala sobre o drama que enfrentou com as drogas

iG Minas Gerais |

Fora da casa, Diego reencontrou Franciele
Fotos Rede Globo/Divulgação
Fora da casa, Diego reencontrou Franciele

Diego Grossi, de 31 anos, causou poucas e boas no “Big Brother Brasil 14”, da Globo. O carioca foi polêmico por, logo na primeira semana, tomar banho pelado e, com o passar do tempo, ter relações sexuais com a gaúcha Franciele Almeida, de 24. A imagem de “inconsequente”, entretanto, vai além do que o público viu. O publicitário foi dependente químico e, nessa época, chegou a morar durante um tempo em Minas Gerais.

O eliminado com 61% dos votos, que enfrentou Marcelo Zagonel e Vanessa Mesquita no Paredão de terça-feira passada, chegou a fazer pequenos furtos e a agredir a mãe, Márcia Regina, na época em que usava drogas. “Ficava internado no morro durante 10, 15 dias, sem voltar para casa. Mas isso é passado! Vim fazer história nova. Mas é violento o bagulho! Só quem está perto, quem já viu é que sabe como é”, revelou ele, enquanto estava confinado.

Longe das drogas há três anos, Diego disse, durante uma pequena coletiva de imprensa na noite de terça-feira, que pensou em não falar nada sobre o vício no confinamento. “Não queria ficar contando historinha triste e não quis falar muito. Tive um pouco de vergonha sobre isso. Já estou há um tempo sem”, afirmou.

Ajuda

O drama familiar vivido por Diego serve como experiência para a mãe, Márcia, que trabalha no serviço telefônico de emergência da PM do Rio de Janeiro.

“Muitas ligam querendo que a polícia vá até a casa delas para prenderem os filhos que estão violentos, roubando seus pertences. Daí, eu tento explicar que ela deve conversar com ele antes”, declarou ela.

Promessa

Até o fechamento desta edição, Cassio Lannes, de 22 anos, ainda não havia deixado o confinamento. O gaúcho pretendia abandonar o programa caso Marcelo permanecesse.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave