Ronaldinho avalia suas cobranças de pênaltis: "Goleiro me conhece bem"

Camisa 10 do Atlético anotou um gol de pênalti e viu o arqueiro Ignacio Don defender uma cobrança de penal

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

MG - Atletico MG X Nacional  PAR Arena Independencia. ESPORTES :  MG - Belo Horizonte - Atletico MG X Nacional  PAR  , jogo valido quarta rodada da taca Libertadores da America , na Arena Independencia . 
Foto: Joao Godinho / O Tempo 19.03.12014
JOAO GODINHO / O TEMPO
MG - Atletico MG X Nacional PAR Arena Independencia. ESPORTES : MG - Belo Horizonte - Atletico MG X Nacional PAR , jogo valido quarta rodada da taca Libertadores da America , na Arena Independencia . Foto: Joao Godinho / O Tempo 19.03.12014

Autor do único gol do Atlético na noite desta quarta-feira no empate em 1 a 1 com o Nacional-PAR, na Arena Independência, Ronaldinho Gaúcho ainda desperdiçou uma cobrança de pênalti, que acabou sendo interceptada pelo goleiro Ignacio Don. Depois do fim da partida, o camisa 10 avaliou as suas duas batidas de penais - o tento foi anotado de pênalti - e acredita que o arqueiro adversário o estudou bastante para conseguir impedir um dos gols. "O cara me conhece bem. Já me estuda tem tempo; então defendeu bem. É treinar cada vez mais para melhorar sempre", afirmou Ronaldinho Gaúcho, dizendo que 'gostou' mais de sua primeira cobrança de penal, a que Don fez a defesa. "O segundo (pênalti) não saiu tão bem quanto o primeiro. Nem sempre o que sai certo", completou. Para o craque atleticano, a principal dificuldade enfrentada pelo Galo em seus domínios contra a equipe paraguaia foi a forte retranca adversária, fato visto principalmente no segundo tempo do duelo no Horto. "Saíram muito pouco para o jogo. No segundo tempo jogaram com três parceiros aí ficou difícil para a gente. Temos de continuar trabalhando para termos boas atuações", finalizou. O Atlético se prepara agora para a semifinal do Campeonato Mineiro contra o América. A partida será às 16h deste domingo, no Independência.

Leia tudo sobre: atleticoronaldinhogalopenaltisignacio don