Obina e Henrique viram dúvidas para o primeiro clássico da semifinal

Jogadores fizeram exame de imagem na tarde desta terça-feira e o resultado deverá ser divulgado amanhã pelo departamento médico do clube

iG Minas Gerais | ANTÔNIO ANDERSON |

Obina é a grande aposta do Coelhão para a temporada 2014
SITE OFICIAL/AMÉRICA
Obina é a grande aposta do Coelhão para a temporada 2014

Os atacantes Obina, com uma contusão no adutor da coxa direita, e Henrique, que sofreu uma lesão na parte posterior da coxa direita, podem desfalcar o América no clássico contra o Atlético marcado para o próximo domingo e que será válido pela semifinal do Campeonato Mineiro. Os jogadores se machucaram na partida do último domingo, em Poços de Caldas, quando o Coelho venceu a Caldense por 2 a 1 e garantiu vaga na semifinal do Estadual. Obina e Henrique fizeram exame de imagem na tarde desta terça-feira e o resultado deverá ser divulgado amanhã pelo departamento médico do clube.

"Eles estão vindo em um ritmo muito forte de jogos. Vamos esperar os resultados dos exames para depois avaliar se o Obina e o Henrique vão poder participar da partida do fim de semana", afirmou o médico do América, Celso Azevedo. Obina se contundiu no segundo tempo da partida contra a Caldense. Em entrevista à imprensa após o jogo, o atacante declarou que a dor era grande, mas que com as medicações ela estava melhorando. "Quero muito disputar esse clássico e espero poder me recuperar para poder ajudar os meus companheiros a conseguir essa vaga na final", declarou Obina, que é o artilheiro do Coelho no Campeonato Mineiro, com seis gols.

"Com muita dedicação e união deste grupo nós conseguimos essa classificação. O momento é importante e se eu estiver 60% vai valer o sacrifício para estar em campo e ajudar", ressaltou o jogador, que não balanças as redes adversárias há quatro jogos e já vê a sua artilharia com a camisa do América ameaçada pelo meia Tchô, atualmente com cinco gols. "Estou muito feliz com esse momento do Tchô, que está nos ajudando bastante. É claro que eu quero voltar a marcar, mas já falei antes que o mais importante é o América conseguir as vitórias, independentemente de quem for o autor do gol." 

Leia tudo sobre: futebol nacionalaméricacoelhocampeonato mineirosemifinaisdúvidas