Jovem apanha do marido ao não concordar com 'gato' na rede elétrica

Suspeito, que foi preso, se irritou quando a mulher se recusou a praticar a fraude

iG Minas Gerais | CAROLINA CAETANO |

Uma dona de casa de 23 anos foi agredida pelo marido com tapas na cara, nessa segunda-feira (17), em Araxá, no Triângulo Mineiro. As agressões começaram após a mulher discordar de uma ligação clandestina na casa, popularmente conhecida como “gato”.

De acordo com a Polícia Militar, o suspeito de 28 anos, que não teve o nome divulgado, chegou na residência do casal, localizada na rua Leda La Guardia,  e contou para a companheira a intenção de fazer a fraude para que o valor da conta de luz fosse reduzido.

A vítima não concordou com o crime e apanhou do marido. Ela acionou a corporação e o homem foi preso. O jovem confirmou a versão da mulher e foi encaminhado à delegacia da cidade.

Quem for flagrado fazendo “gato” pode responder criminalmente. A punição varia entre multas até quatro anos de prisão. 

Leia tudo sobre: araxáagressãomarido