Brasileiros morrem em ataque a delegacia na Bolívia

A suposta tentativa de ataque ocorreu durante a madrugada em Guayaramerín, a 720 quilômetros de La Paz, disse o tenente-coronel Fredy Roca, comandante da polícia local

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Dois brasileiros foram mortos hoje pela polícia boliviana ao tentarem entrar armados em uma delegacia com a intenção de libertar um narcotraficante preso na semana passada, informaram autoridades locais.

Os brasileiros mortos no incidente foram identificados pela polícia boliviana como Luiz da Silva Costa e Raymundo Nonato da Costa. Não há mais detalhes disponíveis sobre eles.

A suposta tentativa de ataque à delegacia ocorreu durante a madrugada em Guayaramerín, a 720 quilômetros de La Paz, disse o tenente-coronel Fredy Roca, comandante da polícia local.

Guayaramerín faz fronteira com Guajará-Mirim, no Estado brasileiro de Rondônia. As duas cidades são separadas pelo Rio Mamoré e são usadas como rota para a cocaína que chega ao Brasil oriunda de países andinos.

"Eles entraram disparando armas de alto poder de fogo. Queriam matar toda a guarda", disse Roca. Um policial ficou ferido e seu estado de saúde é "delicado", prosseguiu o tenente-coronel.

O ministro boliviano Carlos Romero disse que os dois homens tentavam libertar um narcotraficante brasileiro preso na sexta-feira (14).

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave