Oito pessoas foram assassinadas neste domingo na região metropolitana

Crimes aconteceram em um intervalo de menos de dez horas; desde a madrugada, oito pessoas foram assassinadas na grande BH

iG Minas Gerais | JOSÉ VÍTOR CAMILO |

Quatro pessoas foram assassinadas na região metropolitana de Belo Horizonte em um intervalo de menos de nove horas ao longo deste domingo (16). Os crimes aconteceram em Vespasiano, Santa Luzia e no bairro Vista Alegre, na região Oeste da capital.

Segundo a Polícia Militar (PM), dois corpos foram encontrados por volta das 10h30 na rua Trinta e Cinco, no bairro Nova Pampulha, em Vespasiano, na grande BH. As duas vítimas, que ainda não foram identificadas, foram mortas a tiros e aparentam ter entre 20 e 25 anos.

Uma das vítimas, que estava de short jeans e uma blusa vermelha, foi atingido por cinco disparos na cabeça. Ao lado do seu corpo foram localizados nove cápsulas de calibre 38. Já o outro corpo foi localizado no interior de uma vala. O homem, que vestia uma bermuda vermelha e blusa branca, foi baleado dez vezes por todo o corpo. Seis cápsulas foram encontradas próximas de seu corpo.

Já na tarde deste domingo, uma outra pessoa foi morta a tiros. O homem, que também não foi identificado, foi encontrado morto na rua Ildeu Moreira, no bairro Vista Alegre. Ainda não há informações sobre o que teria motivado o assassinato.

O último homicídio foi registrado por volta das 19h, em Santa Luzia, também na região metropolitana. Um corpo com sinais de violência foi localizado no interior de um barracão localizado na rua Um, no bairro Baronesa.

As autorias e motivações dos crimes serão investigadas pela Polícia Civil. Os corpos foram encaminhados ao Instituto Médico-Legal (IML) de Belo Horizonte.

Oito mortos

Desde o início da madrugada deste domingo, um total de oito pessoas foram assassinadas na região metropolitana. Além destas quatro mortes registradas, um ex-presidiário foi morto em Contagem, um entregador de pizza em Sabará e um homem no bairro Castanheiras, na região Leste da capital.

Além disso, um homem atirou e feriu gravemente o seu sobrinho, de 15 anos, por não aceitar que ele estivesse fazendo um ritual espírita, no bairro Ouro Minas, na região Norte da capital. O homem ainda atirou contra o namorado do sobrinho, de 18 anos, que acabou morrendo no local. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave