Vettel lamenta problemas no carro, mas prevê 'ano longo'

Daniel Ricciardo cruzou a linha de chegada em segundo lugar, mas foi punido e teve sua pontuação anulada neste domingo

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Sebastian Vettel fez uma estreia melancólica na temporada 2014 da Fórmula 1. O atual tetracampeão não passou da terceira volta no GP da Austrália e nem conseguiu sonhar em somar pontos na abertura do campeonato. Para piorar, ainda está longe de descobrir a causa do problema mecânico que o tirou da corrida.

"Tentamos nos recuperar o máximo que pudemos. Em um momento pensei até que sentia uma melhora no carro, mas obviamente percebemos que havia um grande problema com o motor", afirmou o alemão, após abandonar a corrida. Vettel se referia ao breve crescimento da Red Bull nos treinos. Seu companheiro Daniel Ricciardo largou em segundo neste domingo.

O carro do australiano, contudo, andou bem na corrida de abertura da temporada, enquanto a Red Bull de Vettel apresentou falhas desde a largada. "Por alguma razão, nós perdemos um par de cilindros. E, quando você não tem a potência do motor, você não consegue fazer todo o sistema funcionar adequadamente. E você perde ainda mais potência", explicou o alemão.

Vettel ficou ainda mais decepcionado porque percebeu que o carro estava exibindo bom rendimento quando todos os seis cilindros do novo motor turbo V6 funcionavam corretamente. "Aprendemos que o carro é rápido. Agora precisamos colocar tudo para funcionar junto. Não há dúvidas de que resolveremos esse problema, mas a questão é: quando?", disse.

O piloto teme que poderá ser tarde demais quando a Red Bull conseguir ajustar os problemas do motor. "Não posso fazer nada além disso: seguir olhando para a frente. É muito decepcionante, mas será um ano longo, com muitos carros com problemas", disse Vettel, que espera somar seus primeiros pontos na segunda corrida do ano, na Malásia, dia 30.

Será os primeiros pontos da Red Bull porque Daniel Ricciardo teve sua pontuação anulada neste domingo. O australiano cruzou a linha de chegada em segundo lugar, mas foi punido por apresentar problemas no fluxo de combustível do carro. Acabou desclassificado da prova.  

Leia tudo sobre: vettellamentagp australiaformula 1preveanolongo