Situação do ar é perigosa para a saúde

iG Minas Gerais |

Paris. Em outubro do ano passado, a Organização Mundial de Saúde anunciou que a poluição do ar é cancerígena. “Respirar provoca câncer. E é muito difícil prevenir a inalação destes poluentes. Como não podemos viver em redomas, é fundamental melhorar a qualidade do ar das cidades”, disse Roberto de Almeida Gil, oncologista do Instituto Nacional de Câncer (Inca), ao jornal “O Globo”, na época.

Para o diretor do projeto de qualidade de ar da Agência Europeia do Meio-Ambiente, Valentin Foltescu, não há dúvida de que a poluição fará vítimas, principalmente entre os muito jovens, muito velhos ou com problemas respiratórios e cardíacos. “Há uma correlação alta entre poluição e esse tipo de mortalidade”, disse ao jornal “The Star”.

Mais de 2 milhões de pessoas morrem todo o ano em todo o mundo como consequência direta da poluição do ar, segundo pesquisa publicada no fim de 2013 no jornal científico “Environmental Research Letters”.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave