Hendricks não bate o peso e coloca disputa de cinturão em risco

Luta pode até ser cancelada se rival recusar o combate; outra possibilidade é Hendricks, mesmo que vença o duelo, ficar inelegível à conquista do cinturão

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Johnny Hendricks terá que suar para bater o peso estabelecido à categoria
MMA/REPRODUÇÃO/UFC
Johnny Hendricks terá que suar para bater o peso estabelecido à categoria

A disputa do cinturão dos meio-médios do UFC, marcada para este sábado, em Dallas, nos Estados Unidos, está em perigo. Principal aposta dos especialistas, o norte-americano Johnny Hendricks não passou no teste da balança. No fim da tarde desta sexta-feira, horário de Brasília, o lutador participou da pesagem oficial do UFC 171, mas registrou um excesso de peso de 700g.

Antes de subir à balança, Hendricks deixou exposto seu nervosismo. Suas mãos trêmulas o condenavam. Enquanto isto, seu rival, o também norte-americano Robbie Lawler, cravou o peso estabelecido para a categoria - 77,1 kg.

Agora, Hendricks terá uma hora para conseguir perder as 700g necessárias para o combate. Caso não consiga, a luta pode até ser cancelada se Lawler recusar o combate. Outra possibilidade é Hendricks, mesmo que vença o duelo, ficar inelegível à conquista do cinturão.

Além do norte-americano, mais dois lutadores não conseguiram bater o peso. Um deles foi o brasileiro Renée Forte, que ficou 900g acima do peso-limite da categoria dos leves (pesou 71,2kg, quando o limite permitido é 70,3kg). 

Confira o card completo do UFC 171 - Card Principal

Johny Hendricks x Robbie Lawler, disputa pelo cinturão da categoria peso meio-médio;

Carlos Condit x Tyron Woodley, na categoria peso meio-médio;

Diego Sanchez x Myles Jury, na categoria peso leve;

Jake Shields x Hector Lombard, na categoria peso meio-médio;

Ovince St. Preux x Nikita Krylov, na categoria peso meio-pesado.

Card Preliminar

Kelvin Gastelum x Rick Story, no peso meio-médio;

Raquel Pennington x Jessica Andrade, na categoria peso galo feminino;

Dennis Bermudez x Jimy Hettes, na categoria peso pena;

Sean Spencer x Alex Garcia, na categoria peso meio-médio;

Renée Forte x Frank Trevino, na categoria peso leve;

Will Campuzano x Justin Scoggins, na categoria peso mosca;

Bubba McDaniel x Sean Strickland, na categoria peso médio;

Daniel Pineda x Robert Whiteford, na categoria peso pena.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave