Sada Cruzeiro atinge marcas históricas na temporada

Com a liderança na primeira fase, equipe azul-celeste continua mantendo a escrita de sempre se classificar para os play-offs da Superliga desde a sua fundação, em 2006

iG Minas Gerais |

Marca histórica. Atletas cruzeirenses conquistaram pela oitava vez consecutiva uma classificação para os play-offs da Superliga Masculina
Renato Araújo/divulgação Sada cruzeiro
Marca histórica. Atletas cruzeirenses conquistaram pela oitava vez consecutiva uma classificação para os play-offs da Superliga Masculina

Na atual temporada, o Sada Cruzeiro alcançou mais uma marca histórica. Desde que a equipe foi criada, em 2006, tendo sua sede ainda em Betim, a equipe não ficou fora de nenhuma fase final da Superliga Masculina de Vôlei. Neste ano, com a classificação para as quartas de final na primeira posição, a equipe conseguiu, pelo oitavo ano consecutivo, avançar para os play-offs, fato comemorado por diretoria, comissão técnica e jogadores do time azul- celeste. Além disso, nos últimos três anos, o Cruzeiro esteve presente em todas as finais da competição nacional, sendo campeão na edição 2011/2012, quando derrotou o Vôlei Futuro-SP por 3 sets a 1 na final. Um dos grandes destaques da equipe neste período é o experiente central Douglas Cordeiro, atleta do grupo que há mais tempo defende a camisa azul e esteve presente em seis dos oito play-offs disputados pelo Sada Cruzeiro. Para ele, as recentes conquistas do time, como o Mundial de Clubes, o bi Sul-Americano e a Copa do Brasil, trazem ainda mais responsabilidade para o time. "O fato de estarmos sempre chegando a decisões é muito positivo, mas traz muita responsabilidade. O nosso torcedor hoje espera que estejamos em uma possível final. Isso é consequência de uma eficiência que a gente vem ganhando ao longo do tempo. Mas nada é fácil, no play-off zera tudo. Nossa equipe tem atletas que sabem lidar com esse tipo de situação, sabem render na hora da decisão, e acredito que estamos preparados para esta reta final", disse Douglas. O central ainda falou sobre a sua caminhada no clube. "Esta história que estou vivendo no clube é muito gratificante para mim. Nunca ganhei tantos títulos como nos últimos anos e isso me deixa muito satisfeito. Para mim, é uma felicidade imensa defender esse time", afirmou o central. O jogo entre o Sada Cruzeiro e o Maringá-PR, partida de volta das quartas de final da Superliga, não havia terminado até o fechamento desta edição. Funec Buscando uma vaga na decisão logo em sua primeira participação no torneio, o Sada-Funec-Contagem volta às quadras neste sábado (15). A equipe enfrenta o Voleisul/Paquetá, no Rio Grande do Sul, às 20h, na segunda partida da semifinal da Superliga B. A primeira partida entre os dois times, realizada no ginásio do Riacho, não havia terminado até o fechamento da edição.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave