Remédio para colesterol quase não teria efeitos colaterais

iG Minas Gerais |

Londres, Reino Unido. Pesquisadores descobriram que o uso de estatinas para baixar o colesterol quase não tem efeitos colaterais. Os cientistas examinaram os resultados de 29 estudos envolvendo mais de 80 mil pessoas e descobriu que apenas uma pequena parte dos efeitos colaterais atribuídos às estatinas.

As estatinas são usadas para baixar o colesterol e combater doenças cardíacas, entre outros problemas. De acordo com o Serviço Nacional de Saúde britânico, esses pequenos efeitos colaterais seriam dores de estômago, de cabeça ou insônia. Entre os efeitos colaterais mais graves está a insuficiência renal, mas é rara.

A médica Judith Finegold disse que a equipe recebeu muitos dos pacientes no estudo que não sabiam se estavam recebendo a droga real ou um placebo. Ela concluiu que havia uma diferença nos relatos, quando os pacientes eram advertidos a respeito dos efeitos colaterais da droga.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave