“Será um sucesso mundial”

Ricky Martin aposta todas as fichas em sua música, “Vida”, que integra o álbum de inéditas feito para a Copa do Mundo

iG Minas Gerais |

De novo. Martin já participou de projeto semelhante, com “La Copa de la Vida”, no Mundial da França
AgNews/Divulgação
De novo. Martin já participou de projeto semelhante, com “La Copa de la Vida”, no Mundial da França

RIO DE JANEIRO. “Meu filho Matteo tem apenas cinco anos, mas sabe jogar bola. Não estou falando porque sou pai. Já me disseram que ele deveria ter aulas de futebol, porque tem estilo”, diz Ricky Martin, pai dos gêmeos Matteo e Valentín. 

O astro da música pop, que se assumiu homossexual em 2010, brinca dizendo que, no futuro, a carreira de empresário de jogador de futebol pode ser uma possibilidade. Por enquanto, a proximidade maior entre Ricky Martin e o futebol se concretiza com “Vida”, música que integra a trilha sonora da próxima Copa do Mundo.

Ricky Martin foi um dos artistas convocados pela Sony Music, que produz em parceria com a Fifa um disco de canções inéditas preparado para o torneio mundial disputado no Brasil. “Não quero soar arrogante, não sei mais do que ninguém, mas acho que uma coisa forte vai acontecer com essa canção. Será um sucesso mundial”, disse Ricky Martin, em entrevista concedida na tarde de segunda (10), no hotel Fasano, em Ipanema, onde estava hospedado.

Em 1998, ele participou de projeto semelhante na Copa da França. A música “La Copa de la Vida” se espalhou por rádios dos cinco continentes após o refrão “Go, go, go! Alé, alé, alé” ecoar nos estádios franceses.

Levou mais de dez anos para outra canção chancelada pela Fifa alcançar repercussão semelhante. Até que, em 2010, Shakira transformou “Waka Waka”, a música-tema da Copa da África, em sucesso planetário.

No Mundial do Brasil, a canção-tema, batizada de “We Are One” (em português, “Nós Somos Um”), será interpretada por Jennifer Lopez, o rapper norte-americano Pitbull e a brasileira Claudia Leitte.

Com a experiência de quem vendeu mais de 70 milhões de discos, Ricky Martin aposta que, mesmo não sendo a música principal da Copa, “Vida” tem os requisitos necessários para virar um hit mundial. O cantor cogita incluir no videoclipe um encontro com seus fãs. “Quero fazer barulho na praia. Então, vou começar a mandar tuítes para que as pessoas sigam pra lá”.

A música gravada por ele foi escolhida após a realização de um concurso chamado Supersong. De 1.600 canções inscritas enviadas por candidatos de 29 países, venceu “Vida”, composta pelo norte-americano Elijah King. “Na escolha da música, pesou a melodia, que é o mais importante”, avaliou o astro internacional, que também estava entre os jurados. De acordo com a assessoria da Sony Music, a música será lançada em abril.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave