Prorrogado prazo para inscrição na lei de incentivo

Data limite é 30 de maio; expectativa é que mais de 200 projetos sejam avaliados

iG Minas Gerais | José Augusto |

Arte. 
CAS, que funciona na Casa da Cultura, vai avaliar os projetos
Moisés Silva
Arte. CAS, que funciona na Casa da Cultura, vai avaliar os projetos

A Fundação Artístico-Cultural de Betim (Funarbe) prorrogou o prazo para a inscrição de projetos na Lei Municipal de Incentivo à Cultura Noemi Gontijo deste ano. A nova data limite agora é o dia 30 de maio, dois meses a mais que a anterior, que se encerraria no próximo dia 31.

“Decidimos prorrogar a data do fim das inscrições em função do edital ter sofrido algumas alterações e da solicitação dos artistas da cidade, já que, a cada ano, a procura pelo fomento oferecido pelo município junto ao Fundo Municipal de Cultura vem crescendo de forma significativa”, explicou o presidente interino da Funarbe, Dannier Copertine.

Ao todo, serão disponibilizados R$ 1,7 milhão para os projetos, em 16 modalidades, como arte circense e visual, artesanato, cinema e vídeo, dança, fotografia, música, preservação e resgate do patrimônio cultural, teatro, entre outras. “No ano passado, foram inscritos 110 projetos dos quais 47 foram aprovados. Já para este ano, a expectativa é que mais de 200 projetos sejam inscritos”, afirmou.

Os projetos serão avaliados pela Comissão de Avaliação e Seleção (CAS). Os interessados devem se inscrever preenchendo o formulário disponível no site www.betim.mg.gov.br. Informações: (31) 3532-2530.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave