ONS diz que causa do blecaute de fevereiro ainda é incógnita

iG Minas Gerais |

Brasília. O diretor-geral do Operador Nacional do Sistema (ONS), Hermes Chipp não confirmou nem negou que os raios – chamados no jargão do setor de “descargas atmosféricas” – foram as causas do apagão ocorrido no início de fevereiro, quando 12 linhas de transmissão foram desligadas afetando diversas regiões do país.

Segundo ele, o relatório sobre o apagão não foi conclusivo. “O relatório não identificou nenhuma causa originada por falha de proteção, defeito no equipamento, falha de manutenção, nada disso. O que temos identificado foram descargas atmosféricas na região da linha. Isso com o chamuscamento do isolador na linha da Taesa, e nenhuma indicação na linha da Entesa, que é próxima. Então você não pode afirmar nada”, disse Chipp.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave