Produção industrial no Brasil aumenta 2,9% em janeiro

Analistas apontam que resultado ficou dentro da expectativa

iG Minas Gerais |

Fabricação de caminhões puxou a alta da indústria em janeiro
bruno gonzaga/studio cerri - 7.6.2010
Fabricação de caminhões puxou a alta da indústria em janeiro

Rio de Janeiro. A produção industrial no Brasil cresceu 2,9% em janeiro, na comparação com dezembro de 2013. Os dados foram divulgados ontem pelo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e fazem parte da Pesquisa Industrial Mensal – Produção Física (PIM-PF).

O resultado ficou dentro das expectativas de analistas do mercado, que iam de expansão industrial de 1,00% a 3,20%, e acima da mediana, positiva em 2,50%.

Mas em relação a janeiro de 2013, a produção industrial ficou 2,4% menor. Nesta comparação, as estimativas variavam de queda de 1,20% a 5,00%, com mediana negativa de 3,40%. Em 12 meses, a produção da indústria acumula uma alta de 0,5%.

O índice de média móvel trimestral da produção industrial registrou queda de 0,5% no trimestre encerrado em janeiro, na comparação com o trimestre encerrado em dezembro de 2013.

Bens de capital. A produção da indústria de bens de capital cresceu 10,0% em janeiro frente a dezembro. Na comparação com janeiro de 2013, o indicador mostra alta de 2,5%. No acumulado em 12 meses, houve alta de 12,1%.

Bens de consumo. Em relação aos bens de consumo, a produção também registrou alta de 2,3% na passagem de dezembro para janeiro. Na comparação com janeiro de 2013, houve queda de 3,6%. No acumulado em 12 meses, a queda é de 0,8%.

Os dados da produção industrial de janeiro vieram melhores do que o esperado, mas continuam indicando uma grande volatilidade do setor e não chegam a animar tanto os analistas econômicos.

Caminhões. Os números da indústria brasileira tiveram este resultado em grande parte pela produção de caminhões, que teve aumento de 8,7% em janeiro.

Analistas ouvidos pelo Broadcast, que é o serviço de informações da Agência Estado, explicaram que o resultado foi um pouco melhor no mês de janeiro em função justamente desta produção, o que ajudou a “inflar” os bens de capital.

Números

0,5% é a alta em 12 meses

2,4% menor em relação a janeiro de 2013

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave