TSE nega liminar para retirar do ar propaganda da Caixa

iG Minas Gerais |


Alfredo Sirkis é pré-candidato pelo PSB, apoiado por Marina Silva
CRISTIANO TRAD / OTEMPO 24/06/10
Alfredo Sirkis é pré-candidato pelo PSB, apoiado por Marina Silva

Brasília. O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) negou pedido liminar feito pelo PSDB para a Caixa Econômica suspender as propagandas dos programas “Minha Casa, Minha Vida” e “Minha Casa Melhor” veiculadas na televisão.

Os tucanos alegavam que as inserções seriam propaganda eleitoral antecipada em favor da presidente Dilma Rousseff, em razão da sua provável candidatura à reeleição.

“Na espécie, entendo que não restou caracterizado o seu intuito eleitoreiro da publicidade, ao se trazer a opinião da presidente sobre projetos e programas patrocinados pelo governo federal”, afirmou o ministro do TSE Admar Gonzaga, relator do caso.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave