Palmeiras viaja e exalta peso de já eliminar o Vilhena

Discurso dos jogadores antes de entrar no avião foi o de que será muito importante eliminar o confronto de volta do mata-mata

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

A delegação do Palmeiras embarcou na manhã desta terça-feira rumo a Rondônia, onde irá enfrentar o Vilhena, nesta quarta, no Estádio Portal da Amazônia, às 19h30, em sua estreia na Copa do Brasil. E o discurso dos jogadores antes de entrar no avião foi o de que será muito importante eliminar o confronto de volta do mata-mata, o que será alcançado se o time vencer por dois ou mais gols de diferença.

O peso de evitar a possível partida de volta é grande também pelo fato de que a mesma ocorreria em 10 de abril, no Pacaembu, justamente entre os dois jogos da final do Campeonato Paulista, na qual a equipe palmeirense poderá estar presente. Os confrontos da decisão estadual ocorrerão nos dias 6 e 13 de abril.

"A gente sabe que eliminar o jogo da volta poderá trazer benefícios para o nosso time lá na frente. É a oportunidade de descansar mais", ressaltou o atacante Alan Kardec, durante o embarque do Palmeiras nesta manhã. "Temos que pensar uma coisa de cada vez. Primeiramente é se classificar e se cuidar contra as surpresas da Copa do Brasil, mas o ideal é já definir o confronto logo", completou o goleiro Fernando Prass.

AEROPORTO LIBERADO - O elenco do Palmeiras embarcou nesta terça em uma viagem que primeiro fará uma escala em Cuiabá, onde o time irá treinar nesta tarde antes de seguir à noite para Vilhena. A garantia de poder ir de avião até cidade que abrigará o confronto desta quarta, por sinal, foi um alívio para o técnico Gilson Kleina e para os atletas, pois o aeroporto local ficou fechado para pousos e decolagens na última segunda-feira. Apenas no final da noite passada o local foi reaberto novamente pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) após regularização de documentação e alvará de funcionamento, que estavam irregulares.

Após treinar na tarde desta terça, em atividade no CT do Mixto, o Palmeiras irá embarcar em voo que partirá da capital mato-grossense às 20h15. Antes de saber que poderá utilizar o aeroporto de Vilhena, o time temia o risco de percorrer de ônibus os 715 quilômetros que separam Cuiabá da cidade que será palco do duelo desta quarta-feira.

Leia tudo sobre: futebolpalmeirasestreiacopa do brasilvilhena