São Paulo vai ganhar centro

iG Minas Gerais |

Finalmente, o primeiro centro com a pedagogia Etievan será inaugurado em São Paulo, no próximo dia 15. A intenção é inaugurar ainda neste ano outros centros em Curitiba, Belo Horizonte e Rio de Janeiro.  

Teatro, a pintura oriental sumiê, eletrônica, artes gráficas e música serão oferecidos. Os professores foram formados pelo casal José Ramon e Marion. A princípio, os centros vão atender a faixa etária entre 12 e 20 anos, mas se houver demanda, poderá haver mudanças.

“O que considero mais valioso é que os jovens professores trazem uma bagagem de mais de dez anos de convivência com o método e, por isso, podem ensinar pela própria experiência e não apenas teoricamente. Eles têm solidez para passar o conhecimento”, observa Marion.

Em São Paulo está sendo criada uma escola de pais para que eles possam aprender como tratar os filhos, de acordo com esse modelo educacional.

“Como criar consciência dentro de uma criança para que ela saiba o que está bem e o que está mal? Estamos assistindo à crescente onda de violência no mundo, a perda de sentimento nos seres humanos. Quando se desenvolve a consciência do sentimento é mais fácil identificar o que se pode ou não fazer. E isso está desaparecendo. A tecnologia não desenvolve o sentimento de relação com o outro, os tablets aumentam o distanciamento”, comenta Navarro.

Sentimento. Marion aposta na experiência. “Vamos sentir em vez de nos focarmos na mente. Os limites são dados pelas experiências, e eles têm uma razão de ser. É preciso considerar o outro ser humano e não apenas formar seres humanos”.

Navarro comenta que o primeiro ponto abordado nesse modelo educativo é a reflexão sobre as consequências de cada escolha.

“Algumas vezes nos guiamos pelos erros e acertos, mas é preciso refletir para que se possa entrar em uma direção educativa”, comenta.

“É preciso se questionar qual deve ser o ponto principal que se quer para educar filhos fortes em tempos difíceis. Uma criança forte tem atenção, força de vontade, autonomia de critérios, ação e consciência, cuja matéria-prima é o sentimento, aquele que te dá o discernimento. Nosso foco principal é o sentimento porque sabemos que ele é transformador”, afirma. (AED)

Pedagogia

Conceito. O modelo Etievan não é nem uma elucubração teórica, nem um receituário de soluções, mas uma concepção do homem em sua possibilidade de desenvolvimento harmonioso.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave