Irmãs são baleadas após rirem de tombo de motociclista em Neves

Um outro jovem que também estava com as jovens foi atingido; ninguém foi preso

iG Minas Gerais | CAROLINA CAETANO |

As risadas de três jovens após presenciarem a queda de um motociclista terminaram em tiros, no fim da noite desse domingo (9), no bairro Botafogo 2ª Seção, em Ribeirão das Neves, na região metropolitana de Belo Horizonte. Por sorte, nenhuma das vítimas correm risco de morte.

Os feridos contaram à Polícia Militar que estavam conversando na avenida Suburbana quando um motociclista sofreu um acidente. Poliana Santos Martins, de 20 anos, Priscila Santos de Oliveira, de 23, e Luan Sampaio Braz, de 22, começaram a rir da situação.

O homem subiu no veículo novamente, saiu e, em seguida, retornou com um garupeiro. A dupla começou a efetuar os disparos e fugiu em alta velocidade. Poliana foi atingido no punho esquerdo, Priscila na coxa e Braz no quadril e no dedo.

Os feridos foram socorridos e levados para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Justinópolis, onde seguem internados em observação. Militares do 40º Batalhão fizeram rastreamento na região, mas os atiradores, que, segundo as vítimas, estavam em uma Titan de cor vermelha, não foram localizados. 

Leia tudo sobre: RIBEIRÃO DAS NEVESBALEADOSMOTOCICLISTA