Destaque contagense

Natália Carvalho Musa da Unidos da Tijuca

iG Minas Gerais |

Carnaval.  A musa Natália Carvalho desfilou pela Unidos da Tijuca
Arquivo pessoal
Carnaval. A musa Natália Carvalho desfilou pela Unidos da Tijuca

A contagense Natália Carvalho desfilou pela primeira vez na Marquês de Sapucaí, no Rio de Janeiro. A escola que recebeu a dançarina foi a campeã Unidos da Tijuca. Eleita destaque das musas, pela comissão de transmissão dos desfiles da Rede Globo, ela disse que ainda pretende alcançar o posto de Rainha da Bateria. Embora ela não tenha respondido sobre o valor de sua fantasia, recentemente a Revista Quem informou que além de luxuosa e cara, a peça foi avaliada em R$ 50 mil.

Essa é a primeira vez que você desfila na Escola Tijuca? Já desfilou em outra escola? Essa é a primeira vez que desfilo sim, e pela Unidos da Tijuca. É minha estreia no Carnaval e eu vim para o Rio de Janeiro para realizar meu sonho. E consegui desfilar por uma escola campeã.   Você sabe o que uma pessoa comum deve fazer para poder desfilar no Rio? Para uma pessoa conseguir desfilar no Rio de Janeiro é preciso mostrar que tem samba no pé, tem que ter carinho com a escola e com a comunidade. Mostrar que está ali para somar e ser fiel a escola. É correr atrás (do sonho).   Quanto custou sua fantasia, você pagou para desfilar? Sofreu algum preconceito por ser loura? Graças a Deus não sofri nenhum preconceito. Nem por ser loura ou ser mineira.    Como você faz para praticar e aprimorar seu samba? Você assiste a ensaios, presta atenção nos movimentos de outras passistas ou Rainhas famosas? Eu já sabia sambar, mas não como sambam as passistas. Eu tive aula com as passistas da Unidos da Tijuca. Assisti pela internet os desfiles anteriores, das musas e rainhas. Então dei uma aprimorada. Eu presto muita atenção nas passistas, nas rainhas de bateria. Eu tento sempre prestar atenção para sempre está aprendo mais.   Você tem alguma “musa” inspiradora, no qual admira o gingado ou forma de se apresentar? A minha musa é a Luma de Oliveira. Desde pequena eu sempre a via desfilando pelo carisma e simpatia sempre achei exuberante e olhava e pensava que queria ser igual a ela, deslumbrante. A Viviane também é minha musa. Ela samba muito, contagia a escola, ela é realmente uma rainha de bateria. Me espelho nas duas.   Pretende desfilar no próximo ano? Com certeza, pretendo desfilar ano que vem, se Deus quiser. Novamente com a Unidos da Tijuca, quero ser fiel a essa escola. Não pretendo parar por aqui não. Todo ano quero estar aqui. Vamos sambar sempre. Foi uma coisa muito boa que aconteceu na minha vida, primeiro ano e já saímos campeã.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave