Com novo problema de Botelho, Alex pode assumir esquerda

Promovido da base nesta temporada, jogador pode ser o dono da lateral-esquerda do Galo contra o Nacional, pela Libertadores

iG Minas Gerais | Da Redação |

 A lateral-esquerda do Atlético vem sendo o grande problema do time neste início da temporada. Autuori vem quebrando a cabeça para suprir a ausência de um jogador de origem na posição. O que seria a solução para preencher a lacuna era Pedro Botelho. Mas o jogador ficou em campo por apenas 36 minutos contra a Caldense, nessa quarta-feira, no Horto. 

O atleta estreou pelo clube após se recuperar de um estiramento na coxa esquerda. Ele voltou a sentir dores na mesma coxa e pode ficar de fora da sequência do Galo no Campeonato Mineiro e Copa Libertadores da América. O titular nas primeiras partidas, o argentino Dátolo, foi poupado com dores musculares. 

"Infelizmente o Pedro sentiu a lesão. Uma coisa que já estava acontecendo, por isso a gente já previa um máximo de sessenta minutos, mas não deu para chegar a isso. No primeiro tempo, ele teve que sair, mas de novo o Alex entrou muito bem e parabéns a ele", disse o treinador. 

Ao comentar sobre a infelicidade de Botelho, Autuori já enalteceu o jovem Alex, lateral-direito de origem, mas que está treinando e jogando na esquerda. O técnico atleticano demonstrou confiança em escalar o jovem atleta entre os titulares. 

"O Alex é uma certeza. Não é mais uma aposta. No jogo da Libertadores eu não terei nenhuma dificuldade se tiver de colocar o Alex. É um jogador com muito potencial, que acredita nas capacidades dele e isso é fundamental. Mas há muito não vejo no futebol um jogador que joga nas duas como ele. Ainda não tem a perna esquerda, mas está trabalhando isso", explicou Autuori. 

 

Leia tudo sobre: AlexAtléticofutebollateral-esquerdogalobotelhopedroconfiança