Williams confirma patrocinador e carro com novo visual

Marca de bebida Martini foi anunciada como patrocinadora master da escuderia, provocando mudanças radicais no carro

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Novo carro abriu mão do azul predominante e adotou o branco como cor principal
REPRODUÇÃO/WILLIAMS
Novo carro abriu mão do azul predominante e adotou o branco como cor principal

Depois de ver Felipe Massa se destacar nos testes da pré-temporada da Fórmula 1, cuja bateria final de treinos foi encerrada no último domingo, no Bahrein, a Williams anunciou oficialmente nesta quinta-feira, durante evento realizado em Londres, o seu novo patrocinador master. Trata-se da fabricante de bebidas Martini, cuja presença provocou uma mudança radical no visual do carro da equipe inglesa, que trocou o azul escuro exibido anteriormente neste ano pela cor predominantemente branca, com listras em azul claro e vermelho.

Com a nova parceria firmada com a fabricante de bebidas italiana a escuderia baseada em Grove rebatizou o seu nome de "Williams F1 Team" para "Williams Martini Racing", em uma de suas muitas novidades para 2014 após amargar uma temporada historicamente ruim no ano passado. Agora também com um novo visual, o modelo FW36 já exibiu força nos testes da pré-temporada com motores fornecidos pela Mercedes e criou grande expectativa para a prova de abertura deste Mundial, no próximo 16, em Melbourne, palco do GP da Austrália.

A nova parceria de "múltiplos anos" firmada com a Martini, conforme destacou a Williams sem revelar o tempo exato do acordo também fará a F1 reviver o mesmo esquema de cores visto em um carro da categoria pela última vez em 1975, quando a empresa de bebidas patrocinou a Brabham. A fabricante também já estampou seu nome na Lotus e na Ferrari.

Foi com uma Brabham branca exibindo o patrocínio da Martini, por sinal, que o brasileiro José Carlos Pace ganhou o GP do Brasil de 1975, quando conquistou a sua única vitória na F1, então fazendo histórica dobradinha com Emerson Fittipaldi, segundo colocado naquela corrida. Dois anos mais tarde, em março de 1977 Pace acabou morrendo em um trágico acidente de avião.

No evento de apresentação do novo patrocinador, Frank Williams, fundador e chefe da equipe que carrega o seu sobrenome, celebrou o acordo. "Estamos contentes de acolher a Martini na família Williams e apresentar oficialmente o nome Williams Martini Racing. A Martini e a Williams compartilham de uma rica história no automobilismo, e os valores de nossas marcas e a paixão pelas corridas tornam esta parceria um ajuste natural. Será ótimo ver as listras tão características da Martini de volta à F1 mais uma vez em uníssono com a Williams", ressaltou.

Andy Gibson, presidente da Bacardi Global Brands, empresa proprietária da marca Martini, também festejou nesta quinta o compromisso firmado com a equipe inglesa. "Este novo acordo vai fornecer uma plataforma poderosa de marketing integrado e oportunidades dinâmicas para fortalecer a marca Martini", aposta o executivo.

Além de contar com um novo patrocinador master, motores agora fornecidos pela Mercedes e uma renovada equipe técnica, a Williams terá uma nova dupla de pilotos em 2014. Contratado após deixar a Ferrari, Felipe Massa fará parceria com o finlandês Valtteri Bottas.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave