Mal-humorado, Autuori elogia adversário em noite de fraco futebol

Treinador do Galo considera que a Caldense fez uma grande partida, o que dificultou o Atlético na Arena Independência

iG Minas Gerais | Da Redação |

O comandante Paulo Autuori pensa em escalar titulares no próximo jogo, contra a Caldense, no Independência
BRUNO CANTINI/ATLÉTICO
O comandante Paulo Autuori pensa em escalar titulares no próximo jogo, contra a Caldense, no Independência

Após a fraca atuação do time na Arena Independência, o técnico Paulo Autuori foi para a entrevista coletiva e com uma postura nada amistosa. Desde o início do contato com os jornalistas, o treinador já se mostrou alterado ao responder as perguntas. 

Aos ser questionado sobre as dificuldades que o Atlético teve para superar o adversário, ele elogiou a postura da Caldense na Arena Independência. 

"Primeiro, eu me considero um cara do futebol. Gosto de ver coisas boas. Não posso deixar de dar os parabéns o time do Caldense. Soube jogar com a bola e sem bola. É bonito ver essa postura em  times de menor porte. Dificultou nosso jogo. No início, a gente estava confundindo um pouco a pressa. Depois, a equipe foi melhorando. Conseguimos controlar o meio-campo, com a entrada do Donizete. Mas foi uma excelente vitória porque o adversário colocou as dificuldades", disse o treinador. 

Um tema abordado na coletiva também foi a diferença de rendimento do time titular e reserva do Atlético. Enquanto a equipe alternativa goleou nos dois últimos jogos, os titulares sofreram para superar a Caldense. Novamente em tom mais enérgico, Autuori deu sua visão do fato e se essa diferença tem a ver com desempenho também de Ronaldinho Gaúcho. 

"A analise também é outra. Quando a gente vai jogar fora, o adversário se propõe a jogar um pouco mais. Quando vai jogar aqui, a equipe se defende. Tem a ver com isso. Prefiro falar que foram as dificuldades que a equipe adversária colocou. Mas essa qualidade de jogo do time titular a gente vai ver. Não temos duvidas disso. Mas que venha já. Os jogos vão ser decisivos. Gostaria de destacar também o posicionamento da equipe", concluiu o treinador. 

Leia tudo sobre: Paulo AutuoritécnicoGaloFutebolautuorivitóriacaldensemal-humor