Após Bielsa, Palmeiras avisa que renovação de Kleina é prioridade

Diretor executivo do Verdão, José Carlos Brunoro admitiu que tentou contratar o técnico argentino

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Reprodução/Facebook
Kleina conseguiu o acesso à Série A, mas não sabe se vai continuar no Palmeiras em 2014
Após a decepcionante derrota para o Paysandu, na noite de terça-feira, o diretor executivo do Palmeiras, José Carlos Brunoro, admitiu que tentou contratar o técnico argentino Marcelo Bielsa, mas, como não teve sucesso, decidiu que a prioridade agora é renovar o contrato de Gilson Kleina. "Fui à Argentina porque pensamos em uma contratação de impacto, mas não entramos em acordo. O Gilson Kleina é a prioridade dentro do mercado brasileiro", disse o dirigente. "Já começamos as conversações e temos muitos pontos em que concordamos. E ele encarou com naturalidade o fato de termos conversado com o Bielsa." Embora muitos palmeirenses torçam o nariz para Kleina e desejem vê-lo bem longe do clube, Brunoro afirmou que a diretoria enxerga com bons olhos o trabalho feito por ele neste ano. "Hoje a filosofia do estilo de treinador que procuramos é a filosofia do Gilson Kleina." O treinador, por seu lado, procurou mostrar-se sereno. "Procurar o Bielsa é um direito que o Palmeiras tinha. Acredito que essa diretoria tem um norte. Tivemos uma conversa preliminar e aguardo nova conversa", declarou Kleina. Mesmo com a derrota para o Paysandu, o Palmeiras poderia ter conquistado o título da Série B na noite passada. No entanto, teve que adiar a comemoração porque a Chapecoense bateu o Paraná por 1 a 0, em Curitiba. Com esse resultado, o clube de Chapecó manteve chances remotas de brigar pelo troféu.

Leia tudo sobre: palmeiraskleinabielsa