Nova rota liga BH aos parques de diversões dos EUA

Copa Airlines terá novo voo, a partir da capital, com escala no Panamá

iG Minas Gerais | Pedro Grossi |

Busch Gardens/Divulgação
Férias. Parque Busch Gardens, famoso por ter grandes montanhas-russas e animais africanos, fica lá
Principal destino dos turistas brasileiros, a Flórida quer incrementar ainda mais a presença tupiniquim no Estado norte-americano conhecido pelas praias e parques temáticos. A 120 km de Orlando e a 450 km de Miami, a cidade litorânea de Tampa, com 355 mil habitantes, pretende deixar de ser uma rota alternativa de visitantes da Disney para se tornar destino principal dos viajantes. A expectativa da cidade é que, em 2014, o Brasil ultrapasse a Suíça e passe a ser 3º maior país emissor de turistas para Tampa, atrás dos canadenses e ingleses. A projeção fica mais fácil de se concretizar com a criação de uma nova rota pela companhia panamenha Copa Airlines, a partir de 16 de dezembro, que vai permitir que os turistas saiam de oito capitais do Brasil – entre elas, Belo Horizonte –, façam escala na Cidade do Panamá, e cheguem a Tampa em 8h25 (veja abaixo). Até então, os turistas de Belo Horizonte tinham como opção mais fácil pegar um voo da American Airlines até Miami e, de lá, até Tampa, levando 11h25. Em visita ao Brasil, onde a Copa Airlines anunciou a nova rota, a diretora de Turismo do Visit Tampa Bay (“visite a baía de Tampa”), Shari Bailey, diz que espera aumentar em até 5% a frequência de turistas brasileiros. No ano passado, durante todo o ano, a cidade recebeu 250 mil turistas brasileiros. Segundo estudo do Instituto de Pesquisas, Estudos e Capacitação em Turismo (Iperitus), Disney, Orlando e Miami, somados, representam 26,7% dos destinos mais procurados pelos brasileiros. Na vice-liderança, Paris responde por 13,2%. Alternativa. Serão quatro voos semanais (segundas, quartas, sextas e sábados) saindo da Cidade do Panamá para Tampa e que pretendem interligar o Brasil, e toda a América Latina, com a cidade, famosa por hospedar o parque Busch Gardens. Ana Cristina da Silva, diretora da Ibiza Turismo, de Belo Horizonte, diz que a nova rota será importante como uma alternativa para quem quer ir à Disney. “Na alta temporada, a Disney responde por 70% da demanda por destinos internacionais e é impossível atender à demanda. Esse novo destino vai criar novos produtos”. A gerente de Vendas da Copa Airlines para Minas Gerais, Jacqueline Ledo, diz que, para Belo Horizonte, a expectativa da companhia, que está presente na cidade há cinco anos, é manter os níveis de ocupação dos voos acima de 80%.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave