Para internautas, gol de Ribeiro merecia concorrer o prêmio Puskás

Maioria dos torcedores reprovou a decisão da Fifa de não incluir a pintura do meia celeste na disputa pelo gol mais bonito

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Joao Godinho/O Tempo
Éverton Ribeiro lembra com carinho do golaço que marcou contra o Flamengo
No primeiro  jogo da oitava de final da Copa do Brasil, o meia Everton Ribeiro marcou um belo gol no Flamengo, ao dar um chapéu em Luiz Antônio e emendar uma bomba para o gol. Após a pintura, criou-se a expectativa de que o feito entraria na disputa do Prêmio Puskás, da Fifa, que elege o gol mais bonito da temporada. O esperado não aconteceu e o sentimento da maioria foi de decepção com o ' esquecimento' da entidade máxima do futebol. Tal insatisfação ficou evidenciada em enquete lançada pelo Super FC, que perguntou se o gol de Everton Ribeiro teria sido mais bonito que os indicados ao prêmio, determinado por um grupo de especialistas e membros do Comitê de Futebol da FIFA responsáveis por elegerem os dez tentos. 60% dos internautas disseram que sim, Ele merecia, ao menos, concorrer ao prêmio. 40% concordaram com os critérios da entidade e alegaram que os gols eleitos pela Fifa são realmente mais bonitos. Vale frisar que o gol de Everton Ribeiro foi marcado dentro do prazo estabelecido pelos organizadores para que pudesse entrar na disputa, que é entre 1 de novembro de 2012 e 2 de outubro de 2013. A decisão de deixar o cruzeirense fora da premiação foi puramente técnica.

Leia tudo sobre: cruzeiroraposaeverton ribeiroenquetefifapuskásgolchapeu