Marquinhos mira sonho de jogar Copa aos 20 anos

Jovem atleta quer oportunidade de disputar Mundial em seu país

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

REPRODUÇÃO/PSG
Marquinhos vive um excelente momento pelo PSG, que pagou 32 milhões de euros para contratá-lo
Novato na seleção brasileira, Marquinhos também é o mais jovem entre os jogadores convocados pelo técnico Luiz Felipe Scolari para os amistosos contra Honduras e Chile. Com apenas 19 anos, o zagueiro do Paris Saint-Germain quer aproveitar a chance recebida para conquistar a confiança de Felipão, com o objetivo de ser incluído na lista da Copa do Mundo de 2014. Ele destacou que seria a realização de um grande sonho participar do torneio no País com apenas 20 anos. "Não é tarefa fácil entrar no grupo do Brasil, a concorrência é feroz. Agora que me foi dada essa oportunidade, eu preciso fazer o melhor, batalhar e mostrar que mereço estar lá. Jogar a Copa do Mundo aos 20 anos, especialmente em meu próprio país, seria incrível", disse, em entrevista ao site oficial da Fifa. Marquinhos foi um dos jogadores convocados por Felipão antes da divulgação da lista oficial. E ele revelou que se surpreendeu com por ter sido chamado e quase não acreditou em um primeiro momento que tinha sido lembrado para defender a seleção brasileira. "Quando a CBF me telefonou, eu tinha ido para a cama e estava prestes a dormir. Eu não me toquei, porque não era o dia em que a convocação ia ser anunciada oficialmente. Mas quando, em seguida, recebi o e-mail confirmando a minha convocação, fiquei muito feliz. Eu tirei o meu pijama e fui comemorar com minha família", revelou. Empolgado com a chance, Marquinhos quer aproveitá-la em todos os aspectos, incluindo fora de campo, se integrando aos companheiros para que se torne mais um membro da "família" da seleção brasileira. "Eu vou chegar lá com humildade, como sempre faço, mostrando a educação que os meus pais incutiram em mim para tentar ganhar o respeito da equipe. Eu sei que o aspecto fora de campo é muito importante e que a seleção é uma família", disse. "Em campo, é uma questão de dar 100% em cada treinamento , sendo eu mesmo e fazendo o máximo quando surgir uma chance, se for um segundo ou 45 minutos".

Leia tudo sobre: marquinhospsgzagueiroseleçãocbfconvocaçãomundialcopa do mundo